Faça a DIFERENÇA
deixe seu LEGADO
invista com PROPÓSITO

NTICS Notes > Esforços para alcançar as metas globais da Agenda 2030

Esforços para alcançar as metas globais da Agenda 2030

O que são os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU e quais esforços mundiais estão sendo feitos para atingir a Agenda 2030. Como sua empresa, pode também fazer parte do maior movimento de sustentabilidade global.

No ano de 2015 os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável foram estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU). Criou-se a Agenda 2030 que com 169 metas visa alcançar os 17 ODS acabando com a pobreza, fome, assegurando uma vida saudável para todos, alterações climáticas, desigualdade, entre outros. Empresas começaram então a se tornarem signatárias do Pacto Global, por meio da definição de projetos e políticas ambientais, de sustentabilidade e responsabilidade social.

 

Restam apenas 10 anos para cumprir a Agenda 2030. Se hoje fosse o prazo final, o Brasil atingiria apenas um ODS: assegurar o acesso confiável de energia para todos (ODS 07). Como, no cenário em que estamos, em uma década unificar esforços para engajar com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável?

O QUE ESTÁ SENDO FEITO MUNDIALMENTE

 

O Brasil enfrenta grandes desafios em cumprir 10 dos objetivos, entre eles acabar com a fome e a pobreza. Quando falamos no ODS 09 de Infraestrutura e Inovação o país enfrenta um desafio permanente: com taxas altas de desemprego, crise econômica e pouco espaço para inovação, se faz urgente a necessidade de se reinventar para aumentar a taxa média da América Latina de menos de 30% dos ODS atingidos.

 

Alguns esforços estão sendo mobilizados para mudar este quadro. Entre eles, a Rede Brasil do Pacto Global desenvolveu uma nova estratégia de atuação com apoio da Consultoria Falconi. O plano engloba 900 empresas signatárias que vão estabelecer métricas e prioridades.

A estratégia é composta por cinco frente de ações prioritárias, sendo elas; desenvolvimento de projetos com metas diretamente relacionadas às metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável colaborando para que empresas gerem impactos sociais e ambientais; inserção dos ODS nas estratégias de negócios incluindo o conceito de sustentabilidade como propósito norteando toda cadeia em que a empresa está inserida; na governança relacionando objetivos e metas corporativas; na gestão de pessoas e investimentos de recursos; tornar a Rede Brasil referência internacional em sustentabilidade e por fim, parceria e atuação.

O setor empresarial brasileiro enfrenta então duas principais questões relacionadas aos ODS: uma de gestão e a outra de governança. Gestores em altos cargos precisam se sensibilizar sobre a importância da implementação de políticas de responsabilidade social (RS) e economia circular reconhecendo não apenas como uma questão departamental da área de RS, mas sim como as metas dos ODS permeando toda a organização. Com um propósito final de não apenas gerar benefícios para a sociedade, mas também um retorno de receita para empresas.

 

Já a União Europeia integrou os ODS da ONU na análise dos orçamentos de cada Estado-Membro. Como foco principal estão as área econômica e área social. Anualmente as políticas fiscais e econômicas de cada Estado Membro são monitorizadas e analisadas pela Comissão Europeia. No ritmo atual nenhum país atingirá as metas, porém existem alguns mais avançados como Dinamarca, Suécia, Finlândia, França e Alemanha.

 

A Dinamarca, como um dos países mais avançados à concretizar os 17 ODS, se faz um exemplo em temáticas como energias limpas (ODS 7), sustentabilidade e ao combate contra alterações climáticas. A cidade de Sonderborg conseguiu reduzir 40% das emissões de CO2 e tem como solução a construção de um parque eólico para baixar as emissões para 400 mil (ODS 13) em 2025.

Outro incentivo empresarial mundial em combate às alterações climáticas (ODS 13) é a Carta de compromisso “Business Ambition for 1.5oC”. O documento encoraja organizações a verdadeiramente se empenharem na preservação do planeta, unindo forças para que até 2050 sejam alcançadas zero emissões líquidas. A adesão à carta permite que empresas estabeleçam metas de curto e médio prazo para mensurar o processo evolutivo, prestando contas para todos os stakeholders com transparência, por meio de um relatório com indicadores. Demonstrando um verdadeiro comprometimento com o movimento climático e o planeta.

 

  

O QUE PODEMOS FAZER PARA ACELERAR ESFORÇOS?

Para que em 10 anos a Agenda 2030 seja alcançada, é essencial que haja esforços e ações conjuntas entre organizações de todos os setores para atender desafios econômicos e sociais. Se faz imprescindível que empresas se atentem à todo processo de produção, comercialização e aos impactos socioambientais causados pelo consumo de seus produtos/serviços e por todas suas atividades.

 

Confira 05 passos que podem ser facilmente implementados que proporcionam benefícios para sua empresa e para a comunidade em que está inserida.

1) Reavaliar a maneira como a empresa se relaciona com toda sua cadeia

2) Segurança e saúde para os funcionários dentro e fora da empresa – oferecer cuidados de saúde e opções de lazer também às famílias dos colaboradores.

3) “Educar stakeholders” – Optar por fornecedores que trabalham com consciência e transparência utilizando racionalmente os recursos e evitando desperdício.

4) Promover consciência ambiental entre todos os funcionários, incentivando a economia de energia e água a reutilização e reciclagem.

5) Promover ações sociais internas e externas: capacitações, cursos e consultorias gratuitas, voluntariado e campanhas de doações: limpeza de locais públicos como praias, parques e ruas.

O QUE A NTICS PROJETOS ESTÁ FAZENDO

 

Há 03 anos a NTICS Projetos se tornou signatária do Pacto Global e adaptou seus projetos para as temáticas dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, tanto no Brasil, quanto nos Estados Unidos. Todos tem como objetivo promover transformações na sociedade e no meio ambiente. Implementamos também políticas de responsabilidade social em toda a cadeia produtiva, trabalhando com transparência e em sinergia com todos os Stakeholders e orientando empresas a implementarem políticas de RS, governança e processos.

 

Durante o período de isolamento, a NTICS Projetos se mobilizou para lançar a campanha ODS EM CASA, por meio de seu Instagram, lançando conteúdos semanais relacionados à cada um dos ODS. Com pequenas ações que podem ser feitas dentro de casa convidamos todos indivíduos a se tornarem agentes transformadores da mudança em suas vidas e comunidades. O projeto está aberto à parcerias e sugestões de conteúdo e já conta com alguns apoiadores como: Consulado da mulher – através da Erica Zanotti, Movimento nacional ODS – Santa Catarina, Movimento Nacional ODS – divulgado entre os movimentos locais, Uninorte OCAS do conhecimento, LLM energia solar, SDSN Amazônia, Univille, Hardsol, Udesc, Gerência de coordenação de ensino de Joinville, Consórcio PCJ e assessoradas do consulado da mulher: Aldaniza Fonseca, Suzana signolfi, e Mabel Moraes.

 

Além disso, visto o cenário atual, a NTICS Projetos está trabalhando para adaptar os que contavam com uma grande aglomeração de pessoas, digitalizando e disponibilizando pacotes desses projetos e oficinas via plataforma.

 

Se sua empresa busca se aliar ao maior movimento de sustentabilidade mundial, a NTICS consegue te auxiliar! Como? Por meio de projetos transformadores, aprovados por meio das Leis de incentivo à Cultura e ao Meio Ambiente e verbas destinadas ao departamento de marketing. Outra forma seria oferecendo uma consultoria de implementação de políticas de responsabilidade social, ou até mesmo uma parceria criativa para projetos.

 

Vamos fazer a diferença, deixando um legado com um propósito? Para mais informações, entre em contato: Whatsapp ou pelo e-mail: contato@ntics.com.br 

Abrir chat
Precisa de ajuda?